Tocantins, 12 de julho de 2020 - Mira Jornal - 00:00

Policia

PF prende ex-senador em desdobramento da Lava-Jato

10/01/2020 09h08

Foto: Tomaz Silva
Ação é desdobramento da Lava Jato, e investiga propinas pagas pela Odebrecht que chegam à R$ 1,5 milhão
Repórter Raphael CostaData de publicação: 09 de Janeiro de 2020, 16:07h


A Polícia Federal prendeu o ex-senador Luiz Otávio Campos (MDB), em uma operação de investigação de pagamento de caixa 2 no Pará.

A operação, batizada de “Fora da Caixa”, é um desdobramento da Operação Lava-Jato e investiga pagamentos ilegais para o candidato ao governo do Pará, Helder Barbalho. O pagamento teria sido feito durante as eleições de 2014 e a propina foi de R$ 1,5 milhão. A PF diz, no entanto, que o atual governador não é alvo das investigações.

Segundo a Polícia Federal, a construtora Odebrecht realizou três pagamentos, de R$ 500 mil cada, entre os meses de setembro a outubro de 2014. A investigação indica que o ex-senador mediou esses pagamentos.

Foram expedidos seis mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão temporária. A operação ocorreu simultaneamente em Belém, Palmas e em Brasília.

Os suspeitos serão investigados por falsidade ideológica eleitoral, o popular caixa dois, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.
(Da Agência Brasil)

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Mais vídeosVideo Mira

Ringo Starr’s Big Birthday Show!

Ringo Starr comemora 80 anos (7 de julho) em live com músicas dos Beatles e homenagens de artistas

Comente

  • Jorge Brás
    12/06/20 01h15
    quantos desmandos se vê por ai e ninguém faz nada. Festinha em fazendas, churrasco em chácara e tá tudo bem.
  • José Professor
    10/06/20 10h02
    Posso até estar errado na minha maneira de pensar ao constatar que grande parcela da população é imune a ÉTICA e...
  • Hevandro Carvalho
    08/06/20 12h04
    Gostaria que o site pudesse fazer uma reportagem sobre a história dos vice-prefeitos de Miracema.é possivel caro editor?
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.