Tocantins, 27 de abril de 2018 - Mira Jornal - 00:00

Brasil

SENADOR IVO CASSOL E ASSESSORES DE BOLSONARO SÃO INTERCEPTADOS EM INVESTIGAÇÃO SOBRE PROSTITUIÇÃO

16/07/2017 08h30

Revelados os nomes dos parlamentares flagrados conversando com chefe de rede de prostituição que atuava no Distrito Federal e no Rio Grande do Sul: senador Ivo Cassol (PP-RO) e os assessores dos deputados Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e Eduardo Bolsonaro (PSC-SP); as garotas de programa eram usadas como pretexto para que a rede de criminosos pudesse influenciar os parlamentares

Brasília 247 - O senador Ivo Cassol (PP-RO) e os assessores dos deputados Jair Bolsonaro (PSC-RJ), Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) foram flagrados conversando com agenciadores de uma rede de prostituição que atua nas áreas nobres do Distrito Federal e no Rio Grande do Sul. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil do Distrito Federal.

Na semana passada, houve a divulgação da operação contra a rede de prostituição. Os políticos e seus assessores não eram alvo do inquérito, mas acabaram flagrados em conversas com o cafetão João Wilson Costa Sampaio. Sampaio é suspeito de agenciar garotas de programa e marcar encontros sexuais em Porto Alegre e Brasília. As gravações foram autorizadas pela Justiça.

As mulheres eram usadas como pretexto para Sampaio se aproximar dos parlamentares. Os diálogos interceptados revelam que um dos interesses do suspeito era a regulamentação da fosfoetanolamina, conhecida como pílula do câncer.

Diálogo
Em um dos áudios, o senador Ivo Cassol demonstra intimidade com o suspeito e a garota de programa, identificada como Gabriela. Em 10 de maio, Sampaio estava no gabinete de Cassol e ligou para a jovem. Às 17h34, eles conversam e em determinado momento, o telefone é repassado para Cassol. De acordo com o texto transcrito no inquérito, o parlamentar pergunta se Gabriela irá a Brasília, ela responde que sim. O senador de Roraima então insiste para encontrá-la pessoalmente.


 

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Mais vídeosVideo Mira

Dona Ivone Lara canta Acreditar e Sonho Meu no SR Brasil

cantora Dona Ivone Lara, de 97 anos, morreu na noite desta segunda-feira (16), no Rio de Janeiro, por conta de um quadro de insuficiência cardiorrespiratória. Ela estava internada desde sexta-feira (13), data em que completou 97 anos, no Centro de Tratamento e Terapia Intensiva (CTI) da Coordenação de Emergência Regional (CER), no Leblon, na Zona Sul da cidade.

Comente

  • Fernando Damaceno.
    26/04/18 03h08
    Tem um grande nível é bastante referência no município e no estado vem fazendo lindos trabalhos em benefício da...
  • Jonas Abreu
    19/04/18 23h06
    Não ativamos propaganda política extemporânea
  • Dadinha
    13/04/18 14h11
    Os créditos pela idealização do projeto, sem dúvidas e do nosso amigo thaller, agora não se pode negar de forma...
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.