Tocantins, 27 de maio de 2020 - Mira Jornal - 00:00

Mundo

Homem se afoga após pedido de casamento debaixo d'água

22/09/2019 07h53

Foto: Reprodução/Facebook/Kenesha Antoine Kenesha Antoine filmou o pedido de casamento romântico de Steven Weber na ilha de Pemba, na Tanzânia —
Um vídeo mostra Steven Weber fazendo o pedido pela janela de uma cabana submersa na Tanzânia.

Um homem americano se afogou após pedir sua namorada em casamento debaixo d'água, na Tanzânia.
Steven Weber e sua namorada, Kenesha Antoine, estavam em uma cabana submersa no Manta Resort, perto da ilha de Pemba.


No vídeo, Weber segura um bilhete contra a janela de vidro da cabine, enquanto Antoine observa por dentro.

Usando óculos e nadadeiras, ele segurou um bilhete contra a janela de vidro da cabine, enquanto Antoine observava por dentro. O bilhete dizia: "Não consigo segurar o fôlego o suficiente para contar tudo o que amo em você. Mas ... tudo o que amo em você, amo mais todos os dias!"

Mais adiante no vídeo, Weber vira a folha de papel para revelar o pedido, tira um anel de noivado do short e sai nadando.

Foto: Reprodução/Facebook/Kenesha Antoine 


Weber escreveu "Não consigo segurar a respiração por tempo o bastante" em seu bilhete de pedido de casamento  

Antoine, confirmando a morte de Weber em um post no Facebook, disse que ele "não voltou mais das profundezas".

O Manta Resort disse à BBC que Weber "se afogou tragicamente enquanto mergulhava sozinho fora da cabine subaquática".

"É com o mais profundo pesar que informamos que um acidente fatal ocorreu no The Manta Resort na quinta-feira, 19 de setembro de 2019", afirmou o resort em comunicado.

Matthew Saus, CEO do resort, disse que "todos estão profundamente abalados" com a morte de Weber.

Weber e Antoine haviam reservado quatro noites na cabine subaquática do resort, a cerca de 250 m da costa.

Foto: Reprodução/Facebook/Kenesha Antoine 


Kenesha Antoine e Steven Weber estavam em uma viagem "única na vida" quando o acidente aconteceu 

A um custo de $ 1.700 por noite (cerca de R$ 7 mil), a cabine fica dentro da água, a cerca de 10 m de profundidade.
No terceiro dia de sua estadia, Weber, que é de Baton Rouge, Louisiana, nos Estados Unidos, mergulhou na água para fazer o pedido.

Saus disse à BBC que sua equipe respondeu a um "problema na água", mas quando eles chegaram "absolutamente nada poderia ser feito".

Em seu post no Facebook, Antoine disse que Weber "nunca soube qual seria sua resposta", que teria sido "um milhão de vezes, sim".

"Não conseguimos nos abraçar e celebrar o início do resto de nossas vidas juntos, pois o melhor dia de nossas vidas se tornou o pior, na reviravolta mais cruel do destino que se possa imaginar", escreveu ela.

"Tentarei me consolar com o fato de termos desfrutado de uma experiência incrível, e de que nós dois estávamos tão felizes e absolutamente emocionados nos nossos momentos finais juntos."

O Departamento de Estado dos EUA disse que está ciente da morte de um cidadão dos EUA na Tanzânia, no leste da África.

"Oferecemos nossas sinceras condolências à família pela perda", disse um porta-voz. "Estamos prontos para fornecer toda a assistência consular apropriada."

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Mais vídeosVideo Mira

Fique em Casa por Nós ***** #FiqueEmCasaCOVID19 -

APOIO:

MIRA Jornal
A Liberdade de Imprensa é a sua Liberdade

Comente

  • José Professor
    18/05/20 16h43
    Gostaria de obter uma resposta convincente para a pergunta que vou fazer."Ao entrar em nosso organismo por meio...
  • José Professor
    11/05/20 11h06
    Neste clima de tortura psicológica causada pela mídia irresponsável escudada pelo "coronavirus" que se...
  • José Professor
    05/05/20 10h28
    continuação do comentário de 04/05/2020: Nem por isso o mundo entra em quarentena.É incontestável que o coronavirus...
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.