Tocantins, 11 de dezembro de 2019 - Mira Jornal - 00:00

Estado

Miranorte ganha sede para abrigar a PM e uma Central de Videomonitoramento

09/11/2019 12h56

Foto: Divulgação/Rondineli Ribeiro
O valor da construção cou em torno de 160 mil reais, sendo 30 mil provenientes do Poder Judiciário, com
17 mil destinados para a construção e 13 mil para as câmeras de vídeo


Com desfile 6ª Companhia Independente da Policia Militar (6ª CIPM) inaugurou a nova sede do 2º Pelotão de Miranorte, com a participação da Banda de Música da PM, da Música Municipal, do Clube de Desbravadores e alunos da rede municipal de ensino.



O evento contou com a presença do vice-governador Wanderlei Barbosa, do comandante-geral da PM, coronel Jaizon Veras Barbosa, do prefeito de Miranorte, Carlinho da Nacional, dos Conselheiros do Conseg de Miranorte, além de outras autoridades civis e militares.

Nesta sexta-feira, 8, na cidade de Miranorte, a comunidade entregou para Polícia Militar um prédio
próprio onde irá abrigar as câmeras de videomonitoramento para fazer a vigilância das principais avenidas
da cidade.

O projeto da construção foi desenvolvido pelo Conselho Comunitário de Segurança Pública e
contou com doações dos cidadãos, bem como do Poder Judiciário, por meio do recebimento de recursos das
penas pecuniárias.

O juiz Cledson José Dias Nunes, conta que quando era titular da Comarca de Miranorte, há cerca de um ano,
foi procurado pelo major da Polícia Militar que apresentou um projeto de videomonitoramento, assim
como já existia na cidade de Miracema, o problema é que não tinha um prédio próprio, então surgiu a ideia
da construção. Ele conta, ainda, que foi realizada uma audiência pública com os empresários, comerciantes
e a comunidade local.

“Miranorte é exemplo para todo o país, pois essa é uma experiência única, a comunidade entrega hoje para
a Polícia Militar um prédio novo, esse é um fato histórico por isso eu fiz questão de vir para a inauguração,
já que acompanhei desde o início esse projeto e isso me dá muito orgulho, o que era um sonho hoje se
torna realidade”, ressaltou o juiz Cledson, que atualmente é titular da 1ª Vara Criminal de Palmas.

O Francisco Batista, conhecido na cidade como “Chico”, trabalha como pedreiro, e durante uma audiência
de custódia com o juiz Cledson Nunes, cou estipulado que ele deveria cumprir uma pena alternativa, com
prestação de serviço para a comunidade.

A princípio, ele deveria cumprir 60 diárias para ajudar na construção do prédio, mas ele foi além e mesmo após pagar o que devia, continuou ajudando na obra até o dia na inauguração. “É esse o exemplo que eu quero deixar para os mais jovens, mesmo errando, temos como reparar nosso erro e ir além, hoje me sinto feliz pela amizade que fiz com os integrantes da própria polícia”, emocionase ao contar.

Vanderson Gomes Brito foi o que “comandou” as obras.
Ele explica que o prédio tem uma arquitetura diferenciada, feita com a ajuda de um engenheiro da Polícia Militar. A frente do prédio possui uma espécie de barricada para proteger os policiais, caso ocorra tiroteios ou invasões por bandidos. “Pretendíamos construir apenas a sala de monitoramento, mas decidimos ampliar a construção e em um dia zemos
todo o muro e construímos o prédio com seis mutirões, toda a mão de obra foi feita pela comunidade”, conta.

“Ficamos muito felizes com o empenho de todos para garantir de fato uma segurança pública melhor para
o nosso município, é um sonho que hoje se torna realidade assim como o sistema de monitoramento de
vídeo câmeras da cidade”, ressaltou o presidente do Conselho Comunitário de Segurança Pública, Fernando Mota.



Major Lima, responsável pelo Comando de Miranorte, disse que as câmeras de videomonitoramento irão ajudar tanto a PM quanto a Polícia Civil do Estado. “Temos a experiência da implantação do sistema de vídeo monitoramento em Miracema, onde a criminalidade diminuiu, as câmeras também servem para a polícia civil realizar investigações, pois quem cometer o crime ca tudo registrado”, destacou.

Sobre a obra
O valor da construção cou em torno de 160 mil reais, sendo 30 mil provenientes do Poder Judiciário, com
17 mil destinados para a construção e 13 mil para as câmeras de vídeo.

O terreno, no valor de 200 mil, foi doado pela Prefeitura de Miranorte e pela Câmara de Vereadores. O prédio possui recepção, salada de armas, sala do comandante, salada de monitoramento, cozinha e garagem.
(Informações do T1TO)


   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Enquete

NESTE DIA 30 DE NOVEMBRO COMPLETARAM-SE UM ANO E TRÊS MESES QUE MOISÉS 'DA SERCON' COSTA FOI ASSASSINADO E A POLICIA CIVIL AINDA NÃO CONSEGUIU ANUNCIAR ELUCIDAÇÃO DO CRIME COM CARACTERÍSTICAS DE MOTIVAÇÃO POLITICA. VOCÊ AINDA ACREDITA NA POLÍCIA DO TOCANTINS ?

Mais vídeosVideo Mira

Disciplinas Eletivas - Escola Jovem em Ação

Nas Escolas Jovem em Ação na rede estadual de ensino, as disciplinas eletivas
são trabalhadas de forma dinâmica em aulas práticas 

Comente

  • José Professor
    10/12/19 10h02
    Estou começando a acreditar que as coisas vão seguir outro caminho nas eleições para "alcaide e edis" em...
  • Aílton Ferreira Araújo
    08/12/19 13h53
    Miracema, não vai muda nunca. 1 capital provisória 2 linhão norte e sul 3 ferrovia norte e sul 4 hidrelétrica...
  • Herveto Martins Arruda
    07/12/19 23h53
    Bela reportagem do dia 7 de dezembro, miracema Capital por um dia, caro editor. Aliás os fatos informado neste...
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.