Tocantins, 25 de abril de 2018 - Mira Jornal - 00:00

Estado

Lideranças indígenas preparam relatório com problemas das aldeias no Tocantins

15/04/2018 08h23

(Foto: Reprodução/TV Anhanguera) Lideranças preparam relatório com situação das aldeias
Estado tem mais de 190 aldeias reconhecidas e catalogadas. Indígenas denunciam desmatamento ilegal, poluição e falta de assistência na área da saúde.

Lideranças indígenas de várias regiões do Tocantins se reuniram em Palmas para conversar sobre problemas que afetam aldeias em todo o estado e preparam um relatório que será entregue nos próximos dias. O documento será encaminhado para o Ibama, O Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), a Funai e o Ministério Público Federal.

Cerca de 60 indígenas participam do debate. O Tocantins atualmente possui mais de 190 aldeias reconhecidas e catalogadas. As lideranças denunciam desmatamento ilegal, poluição nos rios e falta de assistência na área da saúde, principalmente na questão da entrega de medicamentos e na oferta de pré-natal para as gestantes.

A indígena Isabel Xerente reclamou do uso de agrotóxicos em propriedades rurais da região onde mora. "O progresso que eles estão pegando é para eles, não é para nós. Apenas o que nós estamos pegando é veneno na cara, os meninos doentes, os adultos doentes", conta ela.

"Todas as vezes que chove lá, nós ficamos com a água deste tipo aqui", diz o indígena Evangelista Apinajé, mostrando uma garrafa com água barrenta que ele trouxe da aldeia onde mora. "É a água que nós bebem, porque nós não temos como beber outras águas. E estas águas aqui estão dando doenças, disenteria, vômito e termina indo a óbito", completa ele.

Ainda não foram definidas quais providências serão tomadas, apenas depois que o relatório for preparado os órgãos envolvidos vão montar uma estratégia de auxílio aos indígenas.
(Da  TV Anhanguera)

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Mais vídeosVideo Mira

Dona Ivone Lara canta Acreditar e Sonho Meu no SR Brasil

cantora Dona Ivone Lara, de 97 anos, morreu na noite desta segunda-feira (16), no Rio de Janeiro, por conta de um quadro de insuficiência cardiorrespiratória. Ela estava internada desde sexta-feira (13), data em que completou 97 anos, no Centro de Tratamento e Terapia Intensiva (CTI) da Coordenação de Emergência Regional (CER), no Leblon, na Zona Sul da cidade.

Comente

  • Jonas Abreu
    19/04/18 23h06
    Não ativamos propaganda política extemporânea
  • Dadinha
    13/04/18 14h11
    Os créditos pela idealização do projeto, sem dúvidas e do nosso amigo thaller, agora não se pode negar de forma...
  • SSP TO
    08/04/18 11h53
    FELIZ DIA DO JORNALISTA! Neste 07 de abril, homenageamos todos os jornalistas por seu compromisso social diuturno...
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.