Tocantins, 23 de julho de 2019 - Mira Jornal - 00:00

Estado

Aprovado projeto que amplia idade para ingresso na PM; Deputados aprovam restrição ao corte de água e luz

05/07/2019 11h59

A Assembleia Legislativa aprovou, na tarde desta quinta-feira, 4, o Projeto de Lei nº 65/2018, de autoria do deputado Elenil da Penha (MDB), que amplia a idade para ingresso na Polícia Militar e no Corpo de Bombeiros do Tocantins. A matéria foi apreciada em dois turnos de discussão e votação, e referendada por unanimidade. Legisltivo proíbe o corte no fornecimento de água e luz com menos de 60 dias de atraso no pagamento. 

O PL muda a redação do inciso III do artigo 11 da Lei Ordinária Estadual nº 2.578, de 20 de abril de 2012, que instituiu o Estatuto dos Policiais Militares e Bombeiros Militares do Estado do Tocantins. O texto atual exige, como condição para inscrição em concurso da PM e Corpo de Bombeiros, que o candidato tenha entre 18 e 30 anos. A proposta de Elenil aumenta a idade máxima para 35 anos.

Segundo o deputado, o projeto tem como objetivo adequar a legislação aos tempos atuais. “Em vários estados, como Rio de Janeiro e Sergipe, a idade para entrar na PM e nos Bombeiros já foi ampliada. É uma necessidade, tendo em vista, entre outros fatores, o crescimento da expectativa de vida do brasileiro, que, hoje, é de 76 anos. Uma pessoa com até 35, aprovada em todas as fases do certame, inclusive, nos testes físicos, tem plenas condições de atuar na corporação e contribuir com sua competência e experiência”, explicou.

O PL segue, agora, para análise do governador Mauro Carlesse (DEM). “Quando era deputado estadual, Carlesse votou a favor do aumento da idade e estou confiante de que, na condição de chefe do Executivo estadual, ciente do quanto este projeto é importante para a sociedade tocantinense, ele irá sancioná-lo, tornando-o lei”, declarou o parlamentar.

Histórico
É a terceira vez que o deputado Elenil da Penha encabeça uma proposta de mudança da idade máxima para entrada na carreira militar do Tocantins. Na primeira oportunidade, em 2016, o PL foi aprovado pela Assembleia, mas vetado pelo ex-governador Marcelo Miranda (MDB).

No ano seguinte, a proposta voltou a ser debatida, no Parlamento, via ação popular apoiada pelo deputado. Contudo, a matéria acabou sendo arquivada por falhas na coleta de assinaturas. Em 2018, Elenil propôs novamente a alteração, mas foi só este ano, após ser reapresentado, que o projeto foi votado em plenário com aprovação unânime pelos parlamentares.
(Da Dicom ALETO/Daniel Lelis)

Deputados aprovam restrição ao corte de água e luz


Os deputados aprovaram projeto do deputado Jorge Frederico (MDB) que proíbe o corte no fornecimento de água e luz com menos de 60 dias de atraso no pagamento. Essa e outras propostas dos parlamentares foram aprovadas nesta quinta-feira, 4.

É o caso do deputado Ricardo Ayres (PSB), autor de projeto aprovado que instituio Código Estadual de Proteção aos Animais.
Já a gratuidade para a prevenção e tratamento da trombofilia na rede pública foi o teor escolhido de matéria do deputado Eduardo Siqueira Campos (DEM).

Por sua vez, o deputado Júnior Geo (Pros) obteve aprovação para proposta que veda a proibição à entrada de servidores do Hemocentro em toda Administração Pública Direta e Indireta.

A obrigação do registro e comunicação dos recém-nascidos com qualquer síndrome identificada ou suspeita às entidades especializadas pelos hospitais públicos é o que propõe a deputada Luana Ribeiro (PSDB).

Outro texto aprovado, da deputada Vanda Monteiro (PSL), dispõe sobre o monitoramento eletrônico de agressor de violência doméstica e familiar contra a mulher, seus familiares e teste.
(Da Dicom ALTO/Glauber Barros)

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Mais vídeosVideo Mira

Roberto Carlos e Erasmo Carlos no Maracanã: Amigo (11/07/2009)

20 de Julho - Dia Internacional do Amigo - Dia da Amizade



Comente

  • Aílton Ferreira Araújo
    19/07/19 09h57
    A morte do Moisés, até hoje nada, a polícia sabe, a polícia não e besta só está esperando provas concretas. Ssp vamos...
  • AILTON FERREIRA ARAUJO
    19/07/19 09h52
    Manoela cruz, isso e verdade o povo falsos e esses vereador de Miracema, 2020 está chegando todos querem novamente...
  • Manuela Cruz
    16/07/19 11h59
    Certos políticos, quando querem ser eleitos,ser bem sucedidos na política,usam artimanhas, irão nas suas casas fazer...
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.